TRAGÉDIA – Adolescentes que morreram afogadas em Itumirim, elas eram de Lavras
02/02/2016 07:29 em Cidade

As meninas que morreram afogadas no início da tarde desta segunda-feira, dia primeiro, em Itumirim, foram identificadas e são de Lavras, elas são do bairro Fonte Verde. Thayane Kethellyn e Kelly Santos tinham 16 anos, elas se afogaram no rio Capivari, no local conhecido como Cachoeira do Rio. O afogamento foi por volta de 14h.

De acordo com a Polícia Militar de Itumirim, uma foi retirada ainda com vida e levada para o posto de saúde daquela cidade. Três rapazes acompanhavam a garota, dois deles sãomenores de idade e o outro tem 18 anos e foi identificado apenas como “Lodonha”, eles são do bairro Judith Cândido.

Os três provocaram um grande tumulto no posto de saúde, alegando que aquela unidade não tinha recursos e que a menina morreu em decorrência disso. Os três passaram a promover uma grande quebradeira naquela unidade de saúde, eles danificaram uma ambulância, que estava na porta do posto de saúde e mobiliário no interior da unidade.

A Polícia Militar foi acionada e imediatamente policiais de Lavras e Luminárias foram até Itumirim para conter os ânimos e os três foram detidos. Eles chegaram a ameaçar as pessoas que estavam na unidade de saúde, isso provocou uma correria naquele posto.

Os dois menores haviam sido detidos na sexta-feira, dia 29, em Itumirim com drogas, foram trazidos para Lavras, porém, como são menores, foram liberados.

Uma testemunha contou que quando a menina foi retirada da água os rapazes não estavam presentes, eles chegaram depois.

A Polícia Militar de Itumirim está investigando uma informação que foi passada via telefone para aquela unidade de segurança, de que antes havia ocorrido uma discussão entre as meninas e os rapazes.

O corpo retirado do rio e que está no Instituto Médico Legal (IML) “Virgílio Carvalho” é o de Kelly Santos. O corpo de Thayane continua desaparecido. Neste momento homens do Corpo de Bombeiros de Lavras estão vasculhando o fundo do rio, as buscas prosseguem e vão até começar a escurecer.

jornaldelavras.

COMENTÁRIOS
Comentário enviado com sucesso!