MORTE – Assassino de lavrense em “Cassiterita” também é lavrense
01/02/2016 07:24 em Cidade

No final do ano passado, 33 prefeitos de municípios mineiros que não registraram homicídios nos últimos dez anos foram premiados. Os prefeitos foram homenageados pelo governo estadual na Assembleia Legislativa, em Belo Horizonte. Foi uma premiação inédita, no campo dos direitos humanos.

Um dos municípios com índice zero de homicídios nos últimos dez anos foi Conceição da Barra de Minas, antiga Cassiterita, cidade próxima a São João del-Rei. O prefeito daquela cidade recebeu um certificado e um livro, como prêmio simbólico para incrementar ou dar inicio a uma biblioteca pública.

Conceição da Barra de Minas tem atrações culturais diversas, uma delas é o carnaval antecipado, que é realizado uma semana antes do carnaval convencional. É o famoso Pré-carnaval de Conceição da Barra de Minas, que este ano entrou na sua 24ª edição.

O carnaval naquela cidade era considerado um dos mais tranquilos e seguros do Campo das Vertentes, isso até ontem. Porque na madrugada deste domingo, os moradores de Conceição da Barra de Minas assistiram perplexo uma cena de horror no centro da cidade: um jovem de 19 anos sendo assassinado com três tiros – dois no tórax e um na perna. A vítima foi Gilmar de Oliveira Rodrigues, morador do bairro Novo Horizonte, em Lavras.

O assassino, que ainda não teve o nome divulgado pela Polícia Militar de São João del-Rei, também é de Lavras e morador do bairro Novo Horizonte. A PM daquela cidade se limitou a informar que o crime foi “motivado por rixa antiga”. A PM também ainda não confirmou se o assassino já foi preso.

O corpo da vítima foi levado para o Instituto Médico Legal (IML) de São João del-Rei, ele foi necropsiado e liberado para a família fazer o sepultamento. O corpo de Gilmar está sendo velado na Capela Velório do Cemitério da Saudade, onde será sepultado amanhã, segunda-feira, dia primeiro de fevereiro, às 9h.

jornaldelavras.

COMENTÁRIOS
Comentário enviado com sucesso!